Tempo Vilhena



Sessenta e sete selos da droga síntetica LSD foram apreendidos pela Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), da Polícia Judiciária Civil, neste domingo (07.09). Quarenta unidades eram comercializadas por um universitário na festa Creme de Lá Creme, realizada no sábado (06.09).

O público da festa era monitorado por policiais civis, que por volta da R$ 3h30 desta madrugada, conseguiram flagrar o estudante, Roger Figueiredo Ferreira, 22 anos, passando um dos selos para um comprador. O estudante estava na posse de 13 unidades de LSD.

Na casa dele, no bairro Verdão, os investigadores encontraram mais 27 selos da droga sintética. Uma outra casa, no bairro Grande Terceiro, foi revistada e lá encontrado outros 27 selos de LDS, uma porção grande de maconha e uma balança de precisão. A casa pertence a Everton Chacon Aguiar, 24, que seria o fornecedor de drogas ao universitário, que também gerencia uma lanchonete na faculdade particular, de Várzea Grande.


Os dois suspeitos foram conduzidos a DRE, na Capital, e serão interrogados no auto de prisão em flagrante por crime de tráfico de drogas.

O estudate vendia a unidade por R$ 50, 00, ao público da festa realizada no buffet Alphaville Prime, que comemora 10 anos de realização. A delegada Juliana Chiquito Palhares informou que uma denúncia de que haveria comércio de drogas na festa levou a unidade a montar equipes para fiscalização.

Conforme a delegada , uma equipe disfarçada se misturou ao público da festa e outra ficou do lado de fora acompanhado a movimentação. "Conseguimos identificar o universitário passando o adesivo para um cliente dentro da festa. Quando abordado estava portando 13 unidades", disse a delegada. "Esse é o perfil, jovem, sem passagem e estudante", completou Palhares.

Sinop

a tarde de sexta-feira (05.09), a policiais civis de Sinop apreenderam 178 comprimidos de Ecstasy, e 25 selos de LSD, e uma porção de maconha. A droga sintética foi apreendida quando desembarcava no aeroporto municipal da cidade, com dois homens, que iriam entregar para um terceiro. Todos foram presos e conduzidos á Delegacia da Polícia Civil e autuados por tráfico e associação para o tráfico de drogas. 


Fonte: Rádio Pioneira ocm Assessoria PJC
Um edital de licitação com pregão eletrônico agendado para o próximo dia 16 de setembro trouxe à tona uma ação no mínimo suspeita pela Assembleia Legislativa do estado de Rondônia.
18c2424513a4a93cfaec5614e1850f07
Acontece que a casa de leis, que atualmente é presidida pelo deputado Hermínio Coelho (PSD), está disposta a gastar R$ 265.560,00 para contratar um serviço de transmissão ao vivo das sessões da ALE/RO via internet. Cerca de 22 mil reais por mês, num serviço que gira no mercado privado em torno de um mil reais por mês.
O fato chamou a atenção do especialista e um dos pioneiros no trabalho de transmissão de vídeos via internet em Rondônia, George da TV Jornet, que em postagem na rede mundial de computadores, afirmou que o valor disposto a ser pago pela Assembleia de Rondônia na prestação desse serviço é extremamente suspeito, pois o mesmo serviço pode ser prestado até mesmo sem custo algum para os cofres públicos através dos sistemas operacionais de streaming como o Youtube, capaz de oferecer suporte ao vivo para mais cem mil pessoas sem cobrar um centavo por isso.
Mais uma suspeição sobre a gestão da casa de leis, que recentemente licitou a compra de 40.000 mil chicletes ( Hortelã, Tutti-Frutti e Menta) e comprou 2.000.000 (dois milhões) de copos descartáveis. Quantitativos supostamente exagerados para uma gestão do presidente Herminio Coelho que afirma em discursos inflamados que é proba e honesta e todos os outros políticos de Rondônia não prestam.
Recentemente veio a público que a casa escriturada em nome do deputado Coelho no conjunto Marechal Rondon recebe três mil reais de auxilio moradia. Uma imoralidade sem precedentes para quem se diz moralista.( Clique aqui e saiba mais sobre o ‘aluguel’ da casa própria de Herminio).
Fonte: Rondoniaovivo/TV Jornet


SINE ESTADUAL DE VILHENA/RO
AV. CELSO MAZZUTTI, Nº 5947   JARDIM  ELDORADO
VILHENA/RO     CEP: 76980-000
CONTATO: (69) 3321-2444
                      (69) 3322-4800




  • Ajudante Produção(M)
  • Auxiliar Administrativo – Corumbiara
  • Auxiliar de Manutenção(M)
  • Auxiliar de Mecânico (Com Experiência Linha Pesada)
  • Auxiliar Produção – Chupinguaia
  • Caixa (F/M) (Com Experiência)
  • Caixa (F/M)
  • Caseiro
  • Consultora de Venda(F) – Chupinguaia
  • Cozinheira (Com Experiência)
  • Dessossador – Chupinguaia
  • Engenheiro Segurança de Trabalho
  • Faqueiro- Chupinguaia
  • Magarefe – Chupinguaia
  • Mecânico Industrial
  • Operador de Caldeira (Com Curso)
  • Pedreiro
  • Porteiro
  • Recepcionista (F/M)
  • Refiador – Chupinguaia
  • Secretária (Com CNH AB)
  • Servente de Obra
  • Serviços Gerais (M)
  • Serviços gerais de Fazenda
  • Soldador/Montador (Com Experiência)
  • Vendedor– Chupinguaia

 Assessoria
Candidato tem uma expressivo crescimento nas pesquisas feitas no cone sul do estado.

Devido ao grande número de usuários das redes sociais, vários candidatos utilizam deste meio como ferramenta de suas campanhas Eleitoral. O candidato a Deputado Estatual Roberto Ferreira Pinto (PSD-RO)” Candidato pela primeira vez a deputado estadual” teve destaque nas redes sociais quando começou a expor seus trabalhos a frente da presidência da câmara municipal de vereadores de Chupinguaia, nas redes sociais inúmeras curtidas tem animado o trabalho e campanha do então candidato.



Entre Curtidas e mais de inúmeros Compartilhamentos em simples publicações no Face book. Quando perguntado sobre o fato, o candidato agradeceu a confiança que os eleitores estão depositando na sua pessoa, e agradeceu o emergente crescimento desde então do seu nome como mais uma opção no cone sul de Rondônia.


“Só tenho que agradecer a todas essas pessoas, que estão acreditando na minha palavra, no meu objetivo, na família, no meu trabalho já mostrado como legislador e as propostas de mais crescimento econômico e estrutural o que estou apresentando e expondo durante minhas visitas e reuniões”.






https://www.facebook.com/roberto.ferreirapinto.1

Texto e Fotos: ASSESSORIA.



O avião caiu por volta das 13h30min na tarde deste domingo (07) ao lado da pista que dá acesso ao anel viário, já próximo a um aeroporto de Tangará da Serra. A aeronave de passeio levava o empresário Sergio Evaristo Varnier, 54 anos, seu filho Ernesto Sergio Varnier, 20 anos, além do piloto, Reginaldo 
Souza Oliveira, 31 anos.

Informações colhidas pela reportagem dão conta de que a esposa de Sergio Varnier, Silvana Varnier, também empresária, aguardava o grupo no aeroporto e ao avistar a aeronave em queda deslocou-se ao local. Antes que o avião explodisse e se incendiasse ela conseguiu retirar do avião o filho e também o piloto, mas não houve tempo para resgatar o empresário que teria ficado preso nas ferragens.

Quando a equipe do Corpo de Bombeiros chegou ao local, o SAMU já conduzia os sobreviventes ao hospital.

O Tenente Leilson, do Corpo de Bombeiros, falou em entrevista à reportagem da Rádio Pioneira. “Segundo testemunhas o avião veio rodopiando. Realizamos o combate às chamas haja vista o perigo de explosões secundárias e o risco de incêndio na região que é de mato seco. A princípio tivemos uma vítima carbonizada”, disse ele.

As equipes de perícia estiveram no local fazendo levantamentos iniciais e a retirada do corpo do empresário. A causa do acidente deverá ser investigada pelas autoridades. Testemunhas relatam que o avião teria acertado um poste antes de vir ao solo.

O corpo do empresário Sergio Varnier deverá ser liberado para velório a partir das 23 horas deste domingo no CTG Aliança da Serra. Horário de sepultamento ainda não foi marcado.




Fonte: Marlenne Maria com Gilvan Melo
radiopioneira.com.br
A forte chuva que caiu na tarde deste domingo, 7, na cidade de Vilhena, obrigou a prefeitura municipal suspender o tradicional desfile cívico em comemoração a Independência do Brasil.
A informação foi repassada a alguns Jornais locais por Anísio Ruas, coordenador da Fundação Cultural de Vilhena, que acompanhou os preparativos do evento.
Para festejar a data, mais de 40 instituições, incluindo escolas e entidades dos setores sociais, segurança e filantrópicas, iriam percorrer a Avenida Major Amarante no desfile. O evento esperava reunir mais de 30 mil pessoas.
O palco de autoridades, que está montado em frente à Praça Ângelo Spadari, deve ser desmontado ainda hoje.
Fonte: Extra de Rondônia
Foto: Divulgação
Apos saber que sua esposa estava o traindo com seu vizinho (vitima) , o autor mata a vitima com golpes de facão no meio da Rua. Fere ainda seu irmão que é socorrido ao hospital em estado grave!
Fonte;Youtube

A candidatura do atual governador Confúcio Moura (PMDB) está em ascensão, de acordo com nova pesquisa divulgada pelo Instituto Phoenix no final de semana. Foram ouvidas 1215 pessoas em todas as regiões do Estado entre os dias 27 a 31 de agosto. Em duas semanas, Confúcio subiu de 18,7% para 21,3%. Considerando a margem de erro da pesquisa que é de 2,83%, pode estar com 24,13% ou 18,47%.


Já o candidato do PSDB ao Governo, Expedito Júnior, registrou queda na pesquisa. Na última sondagem, marcou 32,3% e agora tem 29,4%. Considerando a margem de erro pode ter 32,23% ou 27,07%. Assim, a diferença entre os dois postulantes vem caindo. Na última pesquisa a vantagem de Expedito era de quase 14%.


Ainda de acordo com os números, a candidata Jaqueline Cassol (PR) manteve o mesmo percentual da pesquisa anterior: 14,5%, o mesmo acontecendo com Padre Tom (PT), que registrou novamente 11,3%.
Além de Confúcio Moura, a pesquisa constatou um grande crescimento da candidatura de Pimenta de Rondônia (PSOL). Na última sondagem ele tinha 2,2% e agora tem 4,7%. Pelos números, indecisos somam 10,6% e o percentual de nulos ou aqueles que não votariam em nenhum é de 8,2%.



A pesquisa Phoenix está registrada no TRE de Rondônia sob o número RO-00028/2014, foi realizada entre os dias 27 a 31 de agosto e contratada pelo Jornal Correio Continental. A sondagem tem margem de erro de 2,83% para mais ou para menos e nível de confiança de 96%.


Fonte: Rondoniagora
O candidato a reeleição a governo Confúcio Moura chegou ao aeroporto por volta das 14h35 na tarde de sábado 06, foi recepcionado por colaboradores de campanha, eleitores e candidatos.
O objetivo da vinda do governo ao município é a gravação do programa eleitoral e visitar o residencial Alvorada, conjunto com 210 casas.
“Vilhena é sempre uma bela surpresa, sempre bem acolhido e muita gente para receber”, agradece o candidato em seu blog aos vilhenenses.

Texto: Redação
Foto: Assessoria
Entre os apontados de participação no esquema por Paulo Roberto Costa, estão os presidentes da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), e do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL).



Nomes de políticos envolvidos no esquema de lavagem de dinheiro comandado pelo doleiro Alberto Youssef vieram à tona neste sábado em reportagem da revista Veja. A participação de ex-governadores, presidentes da Câmara e do Senado e de um ministro foi revelada pelo ex-diretor de Abastecimento e Refino da Petrobras Paulo Roberto Costa. Preso em março pela Polícia Federal por acusação de ligação com o esquema, ele aceitou um acordo de delação premiada e vem sendo interrogado em Curitiba.

Entre os nomes divulgados, estão os presidentes da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), e do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) e o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB-MA). Do Senado, foi apontada a participação do presidente nacional do PP, Ciro Nogueira (PI), e de Romero Jucá (PMDB-RR). Entre os deputados delatados por Costa, está Cândido Vaccarezza (PT-SP) e João Pizzolatti (PP-SC).

Conforme a Veja, o ex-ministro das Cidades e ex-deputado Mario Negromonte (PP) também foi citado pelo ex-diretor como destinatário da propina. O ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral (PMDB), a governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), e o ex-governador de Pernambuco e ex-candidato à Presidência morto em acidente aéreo Eduardo Campos (PSB) também foram apontados por envolvimento.


O ex-diretor ainda admitiu, pela primeira vez, que as empreiteiras contratadas pela Petrobras tinham que, obrigatoriamente, contribuir para um caixa paralelo que tinha como destino final partidos e políticos. PP, PMDB e PT foram citados por ele como os principais partidos beneficiários do propinoduto.

No que diz respeito ao PT, Costa afirmou que o responsável por fazer a ponte com o esquema era o tesoureiro nacional do partido, João Vaccari Neto — que já havia tido o nome apontado nas investigações.

Em conversas preliminares, o ex-diretor teria dito que a operação de aquisição da refinaria em Pasadena, no Texas (EUA), também abasteceu o caixa de partidos e serviu para pagar propina a alguns envolvidos na transação. Nos próximos dias, segundo a Veja, Costa deve prestar depoimento especificamente sobre esse assunto.

O número de políticos envolvidos no esquema pode ser ainda maior, já que o ex-diretor teria citado pelo menos 30 senadores e deputados que receberiam 3% de comissão sobre o valor de cada contrato da Petrobras firmado durante sua gestão (entre 2004 e 2012).

O primeiro depoimento de Costa ocorreu na sexta-feira, 29 de agosto. Desde então, as sessões têm sido diárias. Registrados em vídeo, os depoimentos já geraram 42 horas de gravações até a metade da semana passada. As conversas são salvas em arquivos criptografados e, ao final de cada depoimento, todo o material é lacrado.

Planalto faz reunião para avaliar impacto

No final da noite de sexta-feira, a presidente Dilma Rousseff (PT) teria reunido assessores do Planalto para avaliar o impacto das revelações — e auxiliares relembraram que Costa está na Petrobras desde o governo de Fernando Henrique Cardoso.

Com a delação premiada, o ex-diretor tem por objetivo a redução da pena, que poderia chegar a 50 anos. Pelo acordo, que será encaminhado ao Supremo Tribunal Federal — que pode aceitá-lo ou não — Costa será colocado em liberdade quando terminar de prestar os depoimentos. Ele deve ficar um ano usando tornozeleira eletrônica em casa, no Rio de Janeiro, sem poder sair.

Zero Hora
Sergio Cabral, Roseana Sarney, Eduardo Campos, Renan Calheiros e Edison Lobão estão entre os citados nos depoimentos do ex-diretor da Petrobras
Preso em março pela Polícia Federal, sob a acusação de participar de um mega esquema de lavagem de dinheiro comandado pelo doleiro Alberto Youssef, o ex-diretor de Abastecimento e Refino da Petrobras Paulo Roberto Costa aceitou recentemente os termos de um acordo de delação premiada – e começou a falar.
No prédio da PF em Curitiba, ele vem sendo interrogado por delegados e procuradores. Os depoimentos são registrados em vídeo — na metade da semana passada, já havia pelo menos 42 horas de gravação. Paulo Roberto acusa uma verdadeira constelação de participar do esquema de corrupção.
Entre eles estão os presidentes da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), e do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), além do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB-MA). Do Senado,  Ciro Nogueira (PI), presidente nacional do PP, e Romero Jucá (PMDB-RR), o eterno líder de qualquer governo. Já no grupo de deputados figuram o petista Cândido Vaccarezza (SP) e João Pizzolatti (SC), um dos mais ativos integrantes da bancada do PP na casa. O ex-ministro das Cidades e ex-deputado Mario Negromonte, também do PP, é outro citado por Paulo Roberto como destinatário da propina. Da lista de três “governadores” citados pelo ex-diretor, todos os políticos são de estados onde a Petrobras tem grandes projetos em curso: Sérgio Cabral (PMDB), ex-governador do Rio, Roseana Sarney (PMDB), atual governadora do Maranhão, e Eduardo Campos (PSB), ex-governador de Pernambuco e ex-candidato à Presidência da República morto no mês passado em um acidente aéreo.
Paulo Roberto também esmiúça a lógica que predominava na assinatura dos contratos bilionários da Petrobras – admitindo, pela primeira vez, que as empreiteiras contratadas pela companhia tinham, obrigatoriamente, que contribuir para um caixa paralelo cujo destino final eram partidos e políticos de diferentes partidos da base aliada do governo.
Sobre o PT, ele afirmou que o operador encarregado de fazer a ponte com o esquema era o tesoureiro nacional do partido, João Vaccari Neto, cujo nome já havia aparecidao nas investigações como personagem de negócios suspeitos do doleiro Alberto Youssef.
Conheça, nesta edição de VEJA, outros detalhes dos depoimentos que podem jogar o governo no centro de um escândalo de corrupção de proporções semelhantes às do mensalão.
O crime de lesão corporal praticado pelo acusado José Augusto N. (26) contra a esposa, uma mulher de 21 anos, e sua filha de apenas cinco anos, que é portadora de necessidades especiais, aconteceu na noite de quinta-feira (04) em uma residência localizada na região central de Jacy-Paraná.
De acordo com informações policiais, o homem chegou à residência enfurecido e passou a agredir as duas vítimas. A mulher disse que foi agredida com vários golpes de cano PVC.
A vítima disse que o agressor tentou bater na criança e foi impedido. Enfurecido, José atacou a criança com um soco no rosto, quando estava nos braços da mãe. A criança ficou com uma lesão em um dos olhos.
A mulher colocou a criança em seus braços e correu pedindo ajuda. Uma equipe da PM foi ao local e prendeu o acusado em flagrante. José foi conduzido para a Central de Flagrante e ficou a disposição da Justiça. À polícia ele não esclareceu porque estava surtado. Na delegacia José disse que ia matar as duas vítimas depois de sair da prisão.

Fonte : www.rondonoticias.com.br
A delegada da Mulher, Fabiana Leão, informou ao G1 que Yuri Fernandes, ex-BBB suspeito de agredir a namorada em um quarto de hotel no bairro de Cruz das Almas, em Maceió, não terá direito a fiança. Yuri foi preso em flagrante na manhã desta sexta-feira (5) após funcionários do hotel denunciarem a agressão à polícia. Ele foi algemado para a delegacia, onde presta depoimento.
“Como houve a lesão, o caso será enquadrado na Lei Maria da Penha. Eu não vou estabelecer fiança e ele vai ficar preso”, informou a delegada.
Por meio de nota, os advogados de Yuri, que é professor de Muay Thai e lutador de MMA, afirmam que ele não agrediu a namorada, mas se defendeu porque ela estava descontrolada devido a uma crise de ciúmes. “Realmente, houve uma discussão de casal motivada por uma crise de ciúme de sua namorada, mas em momento algum houve agressão física por parte dele”, diz o texto.
Segundo a polícia, enquanto aguardava para depôr, Yuri passava o tempo todo mexendo no celular. A polícia informou que ele teve o aparelho apreendido para que não ficasse divulgando detalhes do que acontecia dentro da delegacia.
Após cerca de duas horas de depoimento, Ângela foi levada para o Instituto Médico Legal (IML), onde passou por exame de corpo de delito. Era possível ver um hematoma no olho direito dela. Yuri ficou na delegacia para concluir o depoimento à delegada e também deve ser encaminhado para exame no IML. Em seguida, o ex-BBB será encaminhado para a Casa de Custódia da Capital.
Ainda segundo a delegada, houve agressão de ambas as partes. “Foi uma briga entre os dois, mas só ele será indiciado. Ela [Ângela] será liberada”, informou Fabiana Leão, ao ressaltar que também vai ouvir o gerente e um funcionário do hotel onde houve a ocorrência.
Ainda segundo a delegada, a vítima solicitou que fossem tomadas medidas que garantissem a segurança dela e de familiares dela.
“Estou encaminhando o pedido de medida protetiva à Justiça. Esse pedido será apreciado pelo juiz, que deve decidir sobre a prisão ou soltura dele. Não poderia arbitrar fiança , já que houve esse pedido por parte dela [Ângela]“, esclarece.
De acordo com uma testemunha, que pediu para não ser identificada, o ex-BBB estava bastante alterado quando foi preso. “Ele estava agressivo, queria bater nos policiais. A Ângela estava chorando bastante, machucada no rosto e nem queria chegar perto do Yuri”, contou.
Uma policial que atendeu à ocorrência e também não quis se identificar informou que a vítima está bastante machucada, inclusive com marcas nas costas e no rosto. “Ao que parece, ela só tentou se defender das agressões, por isso ele está arranhado. Mas acho que ele bateu bastante nela, pelas marcas no corpo”, afirmou.
Segundo a PM, os funcionários contaram que ouviram um barulho vindo do quarto do casal, por volta de 3h, mas que quando ligaram para o quarto, o casal disse que estava tudo bem. Já por volta de 6h, a namorada teria ligado e pedido ajuda por estar sendo agredida.
“O suspeito foi contido por funcionários do hotel, que chamaram a polícia. Quando a equipe chegou, a mulher estava com um hematoma no rosto e reclamando de dores na barriga. Ela falou que foi agredida. A mulher também disse que saiu com o namorado à noite e que ele bebeu muito”, contou o tenente Araújo, do 1º Batalhão de Polícia Militar, que atendeu à ocorrência.
Um funcionário do hotel informou que ouviu muito gritaria durante a madrugada. “Eles gritavam, discutiam muito. Depois a gente recebeu a ligação da namorada pendindo ajuda. Não havia nada quebrado no quarto, mas ela estava machucada. O quarto não foi quebrado”, informou o funcionário que pediu para não ser identificado.
Várias pessoas aguardam a saída do ex-BBB da Delegacia da Mulher. Fãs com smartphones e câmeras na mão acreditam na possibilidade de fazer uma foto dele, ou com ele, no momento em que Yuri deixar a delegacia.
Segundo a polícia, Yuri disse ao ser preso que brigou com a namorada por ciúmes. De acordo com postagens do casal na rede social Instagram, Yuri e Ângela estavam passando férias na capital alagoana há pelo menos dois dias.




O fato impressionou a todos que já vem assistindo o vídeo a duas semanas, pois a garota mostra muita naturalidade em se expressar e se destacar no ato sexual, um vídeo forte com cenas calientes e explicitas de sexo em todos os ângulos e posições, há quem diga se de passagem que se trata de uma profissional,onde seu parceiro além de participar filmou tudo com muitos detalhes.

A quem diga que o casal fez o vídeo em Vilhena e que um hotel muito conhecido em Vilhena foi escolhido a dedo para ser o senário do vídeo que é a sensação no WhatsApp e tem sido compartilhado principalmente entre adolescentes de escolas públicas da região.

O vídeo mostra a face claramente exposta da protagonista que seria uma rainha de uma feira agropecuária da região e isso tem trazido muito desconforto a quem a conhece e vive no seu dia a dia, procuramos tanto os protagonistas como familiares mas ninguém quis se pronunciar se realmente é a modelo que também se destacou na sua nova profissão de atriz com este vídeo.

Há quem afirma que se trata de um de menor envolvido neste vídeo o que complicaria mais a situação em que o vídeo foi gravado.

O Vilhena hoje teve acesso ao vídeo e está cuidadosamente analisando as imagens para se comprovar se realmente se trata da referida rainha de uma feira agropecuária da região ou não, mesmo tendo muitos conhecidos que afirmam ter convivido com a então agora "atriz “, desde criança e não tem dúvidas da autenticidade da personagem.




ARAUJO ODAIR
Imagem ilustrativa.
Uma foto tirada no acidente ocorrido na BR 364, onde duas pessoas acabaram perdendo suas vidas, tem causado muita especulação na cidade de Jaru. Na foto abaixo é possível observar duas pessoas que olhavam para os destroços do veículo enquanto fotografavam, e ao lado deles aquele que por muitos paira a dúvida se seria um vulto de uma pessoa do além.

Muitas teorias já foram atribuídas para o que seria a imagem, dentre elas uma simples tremida da câmera no momento do click da foto. Outras pessoas mais supersticiosas acreditam que possa ser alguma aparição espiritual.

Desde o século XX existem debates de supostas aparições de espíritos em fotografias, algumas pessoas acreditam que os espíritos aparecem justamente para sair nas fotografias, pois quase sempre estavam olhando para elas.

William Hope foi um dos primeiros fotógrafos no mundo a se especializar em tirar retratos com aparições de espíritos. O ex-joalheiro foi um dos pioneiros do ramo no início do século XX e ainda conseguiu ser reconhecido pela sua maestria em conseguir captar os seres de ectoplasma em câmeras convencionais --- que só tirariam fotos convencionais.

O que o senhor Hope fazia era fotografar pessoas encarnadas (vivinhas da Silva) e, na imagem resultante, mostrava os modelos ao lado de espíritos, fantasmas e qualquer outra denominação para as aparições. Várias das entidades que apareciam nas fotos eram identificadas como sendo parentes falecidos das pessoas retratadas, o que acabou dando ao fotógrafo uma larga fama em um curto período de tempo.

Com isso, um grupo formado por seis pessoas se propôs a "produzir" mais fotografias nas quais houvesse imagens de pessoas que não estivessem fisicamente presentes no momento do retrato. Os fotógrafos espirituais ficaram conhecidos como "Crewe Circle", e William Hope, logicamente, era tido como o líder da reunião. O trabalho dos integrantes do círculo deu tanto resultado que os primeiros negativos das obras produzidas foram todos destruídos, para evitar que alguma dessas pessoas (ou pior, todas elas) fosse acusada de algum tipo de "bruxaria" pelas autoridades clericais.

Vale mencionar que o trabalho de William Hope sempre foi extremamente questionado por muitos investigadores, que nunca conseguiram chegar a um veredito. Assim, as famosas fotos em que humanos de carne e osso se misturavam com entidades espirituais acabavam se tornando objeto de descrença de muitos, ao mesmo tempo em que eram adoradas por outros.

Falsa ou não, vale a pena você conferir as imagens abaixo e deixar sua opinião.


Jaru Noticia